BrLab 2017

Selecionados BrLab

 
A 7ª edição do BrLab recebeu um total de 346 projetos inscritos, muitos com excelente qualidade, apresentada por diferentes perfis de realizadores sérios e de grande competência. De todos os inscritos, a comissão da 7ª edição selecionou seis projetos brasileiros e cinco estrangeiros, com base não só em critérios de qualidade artística, mas também no equilíbrio entre as especificidades dos projetos e profissionais participantes para o melhor aproveitamento de todos. É importante enfatizar que a seleção apresentada não é um julgamento da qualidade dos projetos, mas, sim, uma decisão baseada em um conjunto de fatores para chegar ao objetivo a que se propõe nossa convocatória e o BrLab.
 

Segue abaixo a lista de projetos selecionados para a sétima edição do BrLab, em ordem alfabética:
 
Ascensión – dir. Cesar Acevedo, prod. Diana Bustamante – Burning Blue, Colombia
Canção ao Longe – dir. Clarissa Campolina, prod. Laura Godoy e Luana Melgaço – Anavilhana / MG
Cores de Maio – dir. Juliana Vicente, prod. Carla Comino – Preta Porte Filmes / SP
Criadas – dir. Carol Rodrigues, prod. Julia Zakia e Guilherme César – Gato do Parque Cinematográfica / SP
La Jauría – dir. Maurício López Fernández, prod. Josephine Schroeder – Pequén Producciones, Chile
Légua – dir. e prod. Filipa Reis e João Miller Guerra – Uma Pedra no Sapato, Portugal
Novembro – dir. Milena Times, prod. Dora Amorim e Thaís Vidal – Ponte Produções / PE
Nxiamu – dir. Maurílio Martins e Thiago Taves Sobreiro, prod. Matheus Antunes – Cento e Oito filmes / MG
Sahar – dir. Vera Egito, prod. Diana Almeida – Lacuna Filmes / SP
Sandra – dir. Yennifer Uribe, prod. Alexander Arbelaez Osorio – Monociclo Cine, Colombia
El Otro Lago – dir. Francisca Silva, prod. Nayra Ilic García – Trébol Film, Chile

 

Também integra a seleção, através de parceria com a plataforma Cinéma en Développment – Toulouse o projeto:

– Loba – dir. Kiro Russo, prod. Alexa Rivero – Socavón Cine, Bolivia

 

A comissão de avaliação e seleção foi formada por Andrea Cals (curadora e produtora, RJ), Beatriz Carvalho (produtora, SP) Davi Pretto (cineasta, RS), Eva Morsh (França), Flavia Candida (curadora, RJ), Francine Barbosa (roteirista e educadora, SP), Maíra Bühler (diretora, SP) Marcela Lordy (diretora, SP), Márcio Miranda Perez (cineasta e curador, SP), Marina Torre (produtora, SP), Mauricio Kinoshita (produtor e programador, SP),  Rafael Sampaio (produtor e diretor do BrLab) e Paula Astorga (diretora, México).